Emblemas e Logotipos - História da Fiat - Emblemas'Car


Emblemas ou logotipos são símbolos  muito importante para uma empresa, é o que torna o produto conhecido apenas um olhar. Esses pequenos símbolos ( emblemas e logotipos ) tem por trás grandes historias para contar.


O logotipo atual da Fiat foi criado para celebrar os 100 anos da Fiat, e foi declarada um logo de transição. Em 2006 a direção decidiu mudar o logotipo de novo, e a primeira colocação em 2007, o Fiat Bravo. O logotipo atual lembra muito os utilizados pela empresa  a partir dos anos trinta até os anos sessenta. A escrita FIAT, em marfim e alongada, aparecendo em um fundo vermelho cromo os quais são sombreados em uma moldura em volta.

Giovanni Agnelli  em 11 de julho de  1899 fundou a Fiat – Fábrica Italiana Automóveis Turim. A empresa foi dirigida por seu neto Gianni Agnelli de 1966 até janeiro de 2003 quando morreu. Seu irmão Umberto Agnelli assumiu a presidência até o ano de 2004 quando morreu. Luca Cordero di Montezemolo foi nomeado o presidente da empresa. O herdeiro de Agnelli, John Elkkan tornou-se vice presidente com 28 anos de idade.

Em seu início a Fiat produzia automóveis, veículos industrias e agrícolas. No começo da década de XX a empresa já fabricava locomotivas. Durante a Primeira Guerra Mundial, a Fiat – Fábrica Italiana Automóveis passou também a produzir ambulâncias, metralhadoras e motores para submarinos. Com o passar dos tempos a Fiat diversificou suas atividades atuando em vários setores industriais e financeiros. A empresa possui 1063 unidades e atua em 61 países através de suas subsidiárias empregando em torno de 223.000 mil pessoas, das quais 111.000 é fora da Itália.

Em 1973 foi instalada no Brasil a primeira fábrica Fiat na cidade de Betim-Mg.  O seu primeiro carro produzido aqui foi o Fiat 147, não fez muito sucesso mas, foi primeiro a ser produzido em série com motor a álcool. A Fiat  em alguns anos cresceu e mais tarde lançou o Fiat Uno, que conquistou as pessoas e foi durante muito tempo um dos carros mais vendidos, contrário do Fiat 147 que foi rejeitado.

Com o passar dos anos modelos novos foram sendo lançados como; Tempra, Tipo, Palio, Stilo, Punto etc, alguns desses modelos novos a Fiat não tem pretensão de parar com a fabricação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário